Como nasceu o projeto Top English?

Por: Email Author

Entrevista com o Diretor

Depois de passar mais de cinco anos fora do Brasil aprendendo e aperfeiçoando meu inglês, retornei ao Brasil com o firme propósito de ensinar inglês. Comecei então a ensinar em alguns destes institutos de línguas tradicionais, a maioria operando no sistema de franquias até hoje. Depois de alguns anos comecei a perceber muitas falhas nos sistemas de ensino, na metodologia, tamanho das turmas e etc. Mudei para outras escolas e continuei percebendo as mesmas falhas e outras também. Sendo assim, decidi continuar usando estas minhas aulas como laboratório para escrever minha própria metodologia. Fui reservando o que era bom em aula e retirando o que era ruim. Assim criei um conceito o qual já poderia ser colocado no papel.

Como é este conceito?

Bem, resolvi escrever uma metodologia na qual os alunos possam aprender a segunda língua de forma natural, espontânea, dinâmica e prática. Na metodologia Top English 100% conversação os alunos aprendem inglês falando. Não há necessidade de se ensinar gramática para que os alunos aprendam a falar. Ninguém precisa saber o que é “objeto direto” ou “indireto” para poder construir uma frase corretamente. O que ele precisa saber é colocar as palavras no lugar certo dentro da frase. Pela nossa metodologia os alunos aprendem a falar inglês da mesma forma que aprenderam o português, ou seja, ouvem o pai ou mãe falar uma palavra e a repetem. Depois ouvem mais uma e assim começam a formar suas frases. Com a diferença de que aqui o professor faz o papel dos pais. Além disso, no nosso formato de turmas nunca colocamos mais de cinco alunos por turma, o que facilita e acelera o aprendizado.

Quantos livros compõem a metodologia Top English?

São nove livros. Desde o básico até o super avançado. Além disso, temos mais dois livros customizados: um livro com curso específico para garçons e outro para camareiras e mensageiros de hotéis. Todos os livros vêm na versão papel e também versão Ebook, ou seja, estão todos digitalizados e tanto o aluno quanto os professores fazem uso do tablet.

Como funciona o uso desta ferramenta em aula?

Bem, isto é uma exclusividade Top English. Nenhuma outra escola de idiomas do Brasil faz uso desta ferramenta em sala de aula. Para os alunos a versão digital do material didático é opcional. Se eles possuírem um tablet e quiserem usá-lo, eles recebem um link para baixar o material para o tablet. Para os professores este uso é obrigatório. Todos os professores dão aula fazendo o uso do tablet. Isso porque o tablet nos proporciona muito mais recursos durante as aulas. Recursos audiovisuais que o papel, por ser estático, não nos proporciona. Ao fazer o uso desta ferramenta nós damos um upgrade muito grande para os alunos.

Como é o sistema das aulas? Parece que a Top English tem um sistema único de levar o professor até o aluno. Como funciona isso?

É verdade. A nossa preocupação é sempre facilitar o processo para o aluno em todos os sentidos. Sendo assim, nós não operamos com sala (escola) fixa. Nossa escola é volante ou, para usar um termo que está em voga nos dias de hoje, é “mobile”. No projeto Top English o aluno escolhe o local das aulas, escolhe os dias e horários, monta seu grupo e nós nos incumbimos de mandar o professor até eles.

Como começou a expansão através do sistema de franquias?

A princípio ficamos apenas com nossa unidade própria aqui em Maceió, Alagoas, por mais de dez anos. Durante este período estávamos amadurecendo o projeto. A metodologia foi revisada, aprimorada, assim como os sistemas de gestão e marketing. No início de 2012 iniciamos a expansão através de franquias começando por Recife e hoje estamos com unidades em Goiânia, Aracaju, Teófilo Otoni e Curitiba.

Qual é a meta da Top English neste processo de expansão?

Veja bem, na Top English não é só a metodologia que é 100%. A qualidade também tem que ser. Para mantermos o padrão de qualidade que construímos aqui na sede própria ao longo destes 16 anos de operação, não podemos dar o passo maior do que a perna. Exatamente por isso no ano passado abrimos apenas 4 unidades e assim pudemos dar a eles todo o suporte necessário para que eles começassem a crescer robustamente e para que esse crescimento seja consistente e duradouro. Por isso também somos muito seletivos na escolha de nossos parceiros.

Qual é o investimento para abrir uma franquiaTop English?

Quando formatei a franquiapensei em algo que fosse acessível. Sabemos que há no Brasil milhões de pessoas com potencial empreendedor. Porém, eles não têm capital para investir e com isso perdemos um potencial empresário de sucesso que não vai nunca abrir seu negócio porque não tem capital. No formato Top English, primeiramente, não há a necessidade de investimento em espaço físico, que é o que encarece a maioria das tentativas de aberturas de franquias. Não há necessidade nem mesmo de um escritório para a administração do negócio. Fazemos isso em home office. Não há funcionários no sistema, o que barateia e facilita a gestão. Por isso tudo, com menos de R$ 10,000,00 a pessoa consegue abrir uma franquiaTop English 100% conversação.

Qual é a missão da empresa?

È dar a chance a empreendedores de abrirem seus próprios negócios com investimentos baixíssimos e ao mesmo tempo dar a chance aos alunos de aprenderem inglês de forma rápida e gostosa.

Qual é o perfil de franqueado que vocês buscam?

Primeiro esta pessoa não precisa de forma alguma dominar o idioma. Precisa apenas ser empreendedor, um bom líder e gestor e, além disso, ter um bom network (contatos) na sua região para que assim possa disseminar a ideia do seu projeto.

Qual é sua recomendação para alguém que quer abrir uma franquia?

Veja bem, eu costumo dizer que franquiaé igual o caminho do pinguim. Todo mundo já deve ter visto um grupo de pinguins caminhando na neve. Com toda aquela imensidão de gelo, por que eles sempre andam um atrás do outro em não ao lado, já que espaço eles têm de sobra? A resposta é simples: se há um pinguim lá na frente puxando a fila e ele está se dando bem, encontrou uma boa trilha, não achou nenhum obstáculo, por que eles não o seguiriam e iriam procurar outro caminho desconhecido? franquiaé isso. Alguém já desbravou o caminho, limpando e preparando o terreno, achando as melhores soluções. Então, acredito que o melhor caminho para abrir um negócio é realmente através do sistema de franquiaporque muitas das dúvidas que o novo empresário terá serão respondidas prontamente porque as respostas já estão prontas. Contudo, certifique-se de que a franqueadora dá este suporte o tempo todo porque se ela após lhe vender a franquia, lhe abandona, aí teria sido melhor abrir um negócio começando do zero.


Leia mais sobre Top English e solicite mais informações.